Dogmata

O Cemitério das Fadas

A saga desses heróis começa quando a cidade de Boulan é movimentada pelos rumores de uma ruína descoberta na Floresta dos Espinhos, o Cemitério das Fadas.

A lenda contava que se alguém fosse enterrado durante o dia no cemitério, na manhã seguinte ela voltaria a vida e retornaria para a sua casa.

Para investigar a veracidade desses rumores (e acabar com eles se forem verdade), a Igreja Dogmática enviou seu clérigo novato Killdrak, protegido pelo experiente guerreiro de Lieskakamen Fargrid. Um conhecido dos dois, o halfling Reed também foi junto por motivos mais misteriosos.

Eles enfrentaram hereges na Floresta dos Espinhos, Kobolds, Goblins e Bullywugs no Charco das Lamentações e finalmente os mortos-vivos do necromante Trimalchius que havia corrompido a magia do cemitério para criar mortos-vivos.

Os três aventureiros descobriram que os rumores, eram verdade em parte, o Cemitério era na verdade uma antiga tumba para um herói elfo chamado Helix, o de Vida Eterna, que os aventureiros conseguiram dar o descanso eterno depois de eras preso em um caixão.

Nessa tumba, os aventureiros também conseguiram achar a Ceredir-ôl, um poderoso item mágico elfico.

View
Welcome to your Adventure Log!
A blog for your campaign

Every campaign gets an Adventure Log, a blog for your adventures!

While the wiki is great for organizing your campaign world, it’s not the best way to chronicle your adventures. For that purpose, you need a blog!

The Adventure Log will allow you to chronologically order the happenings of your campaign. It serves as the record of what has passed. After each gaming session, come to the Adventure Log and write up what happened. In time, it will grow into a great story!

Best of all, each Adventure Log post is also a wiki page! You can link back and forth with your wiki, characters, and so forth as you wish.

One final tip: Before you jump in and try to write up the entire history for your campaign, take a deep breath. Rather than spending days writing and getting exhausted, I would suggest writing a quick “Story So Far” with only a summary. Then, get back to gaming! Grow your Adventure Log over time, rather than all at once.

View

I'm sorry, but we no longer support this web browser. Please upgrade your browser or install Chrome or Firefox to enjoy the full functionality of this site.